quarta-feira, 14 de novembro de 2007

"Ó árvore, alguém pensou
na tua imensa alegria
quando enfim rompeste a crosta
e a alcançaste a luz do dia?"


Fernanda de Castro

2 comentários:

Anónimo disse...

Sou vista assídua nesta casa e pretendo continuar a sê-lo.Esta casa é fantástica!

SM

av disse...

António, que fantástico trabalho de recolha e divulgação!
E também sobre o avô António Quadros, que já conhecia. Só agora descobri este, mas vai também para os meus links.

Um beijinho de parabéns.